2 Rodas

/ Curiosidades / Água Verde

Água Verde

ÁGUA VERDE. O nome do bairro tem origem à coloração esverdeada do Ribeirão Água Verde que corta o bairro e desÁgua no Rio Belém, que fica no Prado Velho. A cor da água era decorrente das algas que formavam massas verdes.

A povoação teve impulso em meados do século XIX com a chegada dos imigrantes italianos.

Um dos pontos mais famosos do bairro é a Praça do Japão, uma homenagem aos imigrantes japoneses que chegaram a Curitiba em 1910. Na praça há monumentos, jardins e uma loja de artesanatos japoneses.

 

Praça do Japão – famosa pelas cerejeiras japonesas que florescem no inverno!

 

Av. República Argentina, a deliciosa Doce Pecado e o Calçadão ao lado do Shopping Água Verde (postes com fiação subterrânea).

 

Arena da Baixada – o estádio do Atlético (PR). O único estádio com teto retrátil da América Latina, com capacidade para 43.900 espectadores, fica na Praça Afonso Botelho.

 

Monumento de homenagem à migração italiana na entrada do Cemitério da Água Verde.  Nesse monumento, i cognomi (os sobrenomes) das famílias que para cá migraram…

 

Cenário múltiplo na Água Verde: prédios, conjuntos de casas e outras ainda em madeira.

 

Avenida Silva Jardim (calçada mais larga que a avenida), o  Jardinete Prof. Erasmo Pilotto (pessoa ligada à educação e cultura paranaense, nascido em 21 de outubro de 1910) e o tradicional colégio estadual “Lysimaco Ferreira da Costa” na Avenida Iguaçu. 

 

Avenida República Argentina com as estações tubo (ícone da cidade de Curitiba, criação de 1991) com o Edifício Capital (onde é a sede da Impariamo) e a Capela Imaculada Conceição.

 

 

Água Verde   –   Ahú   –   Alto da Glória   –   Batel   –   Bigorrilho   –   Centro   –   Centro Cívico   –   Cristo Rei   –   Hauer   –   Matinhos (quase Curitiba…)   –   Portão   –   Santa Felicidade   –   Santa Quitéria   –   Seminário   – Vila Izabel

 

14/01/2017.

Voltar

Compartilhe no WhatsApp